No começo do ano, o Reino Unido decidiu criar uma regra bizarra para impedir que adolescentes acessem pornografia na internet. A regra forçou os usuários a fazer o upload de seus IDs para passar no teste de verificação de idade, para que assim pudessem ter acesso a pornografia on-line.

No entanto, várias fontes estão relatando que o Reino Unido irá atrasar o sistema indefinidamente. O Sky News ( via The Verge) publicou um artigo citando fontes anônimas que confirmaram que Jeremy Wright, secretário do Departamento de Digital, Cultura, Mídia e Esporte, anunciará o adiamento amanhã no Parlamento britânico. Além das questões óbvias de implementação, também havia preocupações com a privacidade. O governo do Reino Unido contratou a empresa MindGeek de Luxemburgo para construir a infraestrutura.

Especialistas em segurança descobriram que essas verificações de idade podem ser facilmente contornadas usando uma VPN, essa é uma situação que deverá ser contornada para trazer mais eficiência para o sistema.

Em março, o YouGov fez uma pesquisa que descobriu que 76% dos participantes da pesquisa não sabiam sobre as regras de verificação de idade. Esse pode ser o motivo pelo qual o governo decidiu melhorar esse sistema de verificação. Embora a ideia por trás de tal serviço seja boa, o governo do Reino Unido ainda precisa aperfeiçoar a implementação do serviço para obter o máximo benefício.

Deixe uma resposta