No último domingo 02/08, a Record cometeu um grande erro em uma matéria sobre pedofilia, mostrando a foto do youtuber Maicon Küster em um perfil falso que suspostamente era utilizado pelo suposto predador virtual Silas Souza Silva, que é suspeito de estar envolvido em casos de pedofilia. Assim iniciou a confusão com o mal entendido, simplesmente por não borrar o perfil falso divulgado.

Maicon Küster contou em um vídeo no seu canal que ficou desesperado, postando em seu perfil no Twitter e até mesmo no YouTube pedidos de ajuda, ele ainda contou que não conseguiu dormir por causa do ocorrido.

Os fãs do youtuber, seguidores do Twitter e outras pessoas que ficaram indignados com o caso começaram a propagar os pedidos de ajuda dele na internet, o hashtag #Recordlixo e o assunto ‘Maicon’ rapidamente chegou nos Trends top do Twitter e nos assuntos mais comentados. Veja o vídeo a seguir em que Maicon agradece a todos envolvidos na grande ajuda a ele.

O PEDIDO DE DESCULPAS DA RECORD

A Record se retratou sobre o caso:

“Infelizmente, houve um equívoco ao apontar a imagem de um dos perfis como sendo a do pedófilo, quando, na verdade, ele usava fotos obtidas na internet. Lamentamos o que aconteceu e vamos apresentar, nesta segunda-feira, 03/08, no Jornal da Record, uma reportagem corrigindo a informação”, conclui.

A Record postou um vídeo na segunda-feira 03/08 corrigindo o erro, como prometido.

O youtuber deixou bem claro que buscará na justiça a reparação pelos danos causados a sua imagem e ainda completou:

“Ai Record, como vcs são capazes de dizer q o pedófilo preso era ‘ele de peruca’, sendo q a foto é minha? vcs têm noção q eu corro risco de morte por culpa da irresponsabilidade completa de vcs? não só vou processar vcs, como pedirei uma retração público por esse absurdo”, protestou o youtuber.

De certa forma, a popularidade de Maicon na internet ajudou ele a resolver essa situação rapidamente, mas e se fosse com pessoas comuns, sem popularidade? Com certeza seria um processo muito demorado até se provar o contrário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui