Microsoft remove streaming nativo do Mixer do Windows 10

0

Em agosto de 2016 a Microsoft adquiriu o Beam, um serviço de streaming focado em jogos, que mais tarde tornou o Mixer.

A Microsoft estava animada com o streaming de jogos, e pouco tempo depois da aquisição adicionou um recurso ao Windows 10, que permitia transmitir jogos de seu PC para o serviço, usando a barra de jogo, tornando a transmissão para qualquer usuário mais prática.

Apesar de ter sido uma boa ideia, a Microsoft decidiu remover esse recurso silenciosamente do Windows 10. De acordo com o Windows Central, a capacidade de transmitir jogos para o Mixer via Windows 10 foi removida da barra de jogo na atualização recente que adicionou um contador de FPS e sobreposição de conquistas.

A Microsoft está orientando os usuários a utilizar softwares de streaming dedicados, como o OBS ou XSplit.

Um porta-voz da Microsoft confirmou a remoção do recurso em uma declaração ao Windows Central:

“Com um excelente feedback contínuo da comunidade e após uma análise cuidadosa, decidimos remover o Mixer da Xbox Game Bar para nos concentrar em fornecer experiências novas e solicitadas com mais frequência no Mixer, no Windows 10 e na Xbox Game Bar. Você pode transmitir para o Mixer de dispositivos Windows 10 usando ferramentas de terceiros como OBS, Streamlabs e XSplit e continue usando o Xbox Game Bar para captura e compartilhamento de tela, controlando suas configurações de música e áudio, encontrando novos companheiros de equipe com o Looking for Group (LFG) e conversando com amigos do Xbox no console Xbox, celular e PC – tudo sem sair do jogo “.

A empresa também removeu recentemente alguns recursos do Xbox Tournament da barra de jogo, mas investiu em outros recursos, como integrações do Spotify e uma ferramenta de criação de memes que permite que os usuários adicionem legendas às imagens. 

Com aplicativos de streaming dedicados que oferecem um conjunto de recursos amplos, faz sentido que muitos usuários não se importem com o recurso nativo do Windows 10, embora alguns tenham gostado.

Deixe uma resposta